Enem 2017: Entenda as Mudanças

Entenda o que muda na edição de 2017 do ENEM. Muito se especulou sobre o que mudaria no Exame Nacional do Ensino Médio em 2017, depois que a educadora Maria Inês Diniz, educadora, docente e doutora em educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) assumiu a presidência do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Inep, e disse que “o Enem não foi projetado para ser um vestibular nacional”.

A educadora, que ocupa pela segunda vez um cargo no órgão, disse que se o atual Ministro da Educação, José Mendonça Filho, permitir, a edição de 2017 da prova já sofreria mudanças e, após a reforma do ensino médio, pouco se sabe sobre o que mudou ou não no Enem.

Com isso em mente resolvemos separar uma lista com os principais pontos da prova do próximo ano para você, que pretende prestar a prova, se prepare melhor para o Exame Nacional do ensino Médio.

Mas o que mudará no ENEM em 2017? Será que a reforma na grade curricular do ensino médio terá um peso na elaboração das provas? Confirma logo abaixo o que esperar desse exame tão importante para os estudantes brasileiros.

O que muda no Enem 2017

– O Enem será influenciado com as mudanças no Ensino Médio

Outra mudança que vem causando muitas dúvidas é a da base curricular do Ensino Médio (que passará a ser dividida em duas, sendo composta por matérias fixas e por matérias opcionais).

E esse novo esquema, certamente, influenciará em como a o Enem deve ser formulado a partir de 2017. “Seguramente, certos assuntos da nova base curricular [retirados ou acrescentados], terão impacto, influência nas questões da prova”, disse a presidente do Inep.

– O Enem 2017 não terá mais o formato de vestibular nacional

Outro ponto, que segundo Fini, precisa ser mudado no Enem, é a característica que o exame adquiriu de “vestibular nacional”. Segundo a presidente do Inep o Enem “…não pode continuar sendo com essa envergadura, continuar sendo como um exame de qualificação no ensino superior. É tirar pessoas do jogo.”

– As provas do Enem 2017 serão mais exigentes.

Também como consequência da reforma no Ensino Médio, as provas do Enem 2017 serão mais exigentes. O Enem também deverá seguir uma Base Nacional Comum Curricular, o que deve proporcionar uma prova embasada no conteúdo ministrado de acordo com o novo currículo.

– O ENEM 2017 não certificará a conclusão do Ensino Médio

Outra mudança que deve ocorrer com o Exame Nacional do Ensino Médio em 2017, é que a partir do ano que vem o Enem não certificará mais a conclusão dos estudos do Ensino Médio. Segundo Fini, o exame não foi elaborado para fazer esse tipo de avaliação, então a partir de 2017 ele perderá essa função.

– Não serão mais aceitos “treineiros”.

Os “treineiros” (estudantes do ensino médio que fazem a prova do Enem sem a obrigatoriedade) serão descartados da próxima edição do exame. Em troca eles farão um simulado nacional utilizando o metodo Curso preparatório ENEM online, que será aplicado antes do Enem.

O que permanece o mesmo no Enem em 2017?

Segundo a presidente do Inep, o Sisu e o Prouni, programas de bolsas estudantis que funcionam em parceria com o Enem, continuarão os mesmos.

Sendo assim, os estudantes que pretendem o financiamento estudantil ou bolsas de estudo através do Programa Universidade para Todos, podem permanecer tranquilos, pois nada mudará em relação aos mesmos.

Quer mais informações sobre o Exame Nacional do Ensino Médio e sobre as mudanças da prova em 2017? Fique de olho em nosso blog e acompanhe mais novidades sobre esse e outros assuntos.

buy steroids online

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *